Por que investir em Inbound Marketing?

No marketing tradicional, o foco das empresas é encontrar clientes. Geralmente, elas usam técnicas invasivas, como o cold calling, anúncios impressos, comerciais de TV e mala direta. A tecnologia está tornando essas técnicas menos eficazes e mais caras.

A identificação do discador bloqueia chamadas não solicitadas (geralmente da equipe de vendas para oferecer um produto ou serviço). Além disso, o DVR torna a publicidade na TV menos eficaz, que aliás um anúncio de 30 segundos em horário nobre na Globo custa em média 500 mil reais, o que contribui para o aumento da utilização de e-mails em massa que são filtrados para a caixa de spam e por fim, algo que é muito utilizado no Brasil, a distribuição de panfletos para pessoas que não estão interessadas no seu produto ou serviço resultando em um dinheiro jogado literalmente na lata de lixo.

Por mais que esses meios ainda continuem sendo utilizados nos dias de hoje, o investimento financeiro nessas ações acaba sendo bem maior, ora, uma gráfica cobra em média 400 reais para imprimir panfletos sofisticados para sua empresa.

O marketing tradicional é intrusivo e interrompe as atividades rotineiras do indivíduo para atender uma ligação não esperada do setor de vendas, o que é uma prática conveniente para o profissional de marketing, pois pode persuadir sua lista de leads a tomar uma decisão de compra sem consciência e movida pelo impulso.

Assim, neste cenário, a experiência é insatisfatória para o usuário e potencial cliente. Os profissionais de inbound marketing, por sua vez, invertem esse modelo.

Em vez da mensagem inconveniente onde o profissional de marketing ou vendedor tem todo o controle do processo, o inbound trata-se de empoderar a clientela para decidir, de maneira consciente, sobre a melhor opção no mercado de acordo com suas
necessidades.

Ao invés de incomodar as pessoas com anúncios de televisão, os profissionais de Inbound têm outras alternativas para se aproximar do seu público, a exemplo de vídeos que os clientes em potencial gostariam de ver.

Também é mais vantajoso ter um blog empresarial para publicar notícias e artigos relevantes à sua indústria. No lugar de cold callings (chamadas por telefone para anunciar a venda de algum produto), é preferível criar conteúdo útil nas redes sociais para que o cliente chegue até você de maneira natural e por vontade própria, um exemplo disso é este artigo que você está lendo neste exato momento.

Inbound marketing é o marketing que entende ser o cliente o centro das atenções e o motivo da existência e manutenção da rentabilidade do negócio.

Ele é útil. Você não preferiria negociar com uma empresa que entende você e valoriza suas preferências na hora da compra?

Você provavelmente já viu algumas de suas marcas favoritas praticando inbound marketing ativamente. Aquela publicação de blog que resolve problemas, que é exibida perto do topo do mecanismo de pesquisa.

Inbound é fazer parte da conversa. Ser parte dessa conversa significa compartilhar conteúdo útil e relevante com o mundo. Trata-se de atrair as pessoas e por isso se chama “inbound”. E, acima de tudo, é sobre criar o marketing que as pessoas adoram.

No mundo de hoje, os compradores têm todo o poder. Pense sobre o processo que você passou na última vez em que fez uma compra. Você ligou para um vendedor, solicitando a compra? Ou você fez alguma pesquisa online? Aposto que foi a segunda opção.

É hora de você apoiar esse processo de compra!

É hora de você se juntar e capacitar seus clientes potenciais a tomar as decisões certas por si mesmos. Então, como você realmente faz o inbound? Bom, a melhor maneira de começar é compreender a metodologia inbound.

Essa é a metodologia inbound. Ela ilustra as quatro etapas que compõem o inbound marketing e o processo de vendas.

Esses estágios são:

  • Atração
  • Conversão
  • Fechamento
  • Encantamento

Você precisará atrair internautas ao seu site. Seu objetivo é transformá-los em visitantes. Algumas das ferramentas mais importantes para atrair novos usuários são blogs, técnicas em otimização de suas páginas web (SEO) e as melhores práticas em mídia social.

Depois de atrair novos visitantes, a próxima etapa é converter alguns deles em leads, reunindo suas informações de contato em um formulários. No mínimo, você precisará saber o endereço de e-mail dos seus clientes em potencial.

Para que seu target autorize que a empresa entre em contato, é muito importante entender o comportamento do usuário que está buscando por determinada informação no Google. Uma boa parcela das pessoas online estão buscando primeiramente algum
tipo de conteúdo educacional sobre um tema.

Assim, se o seu website receber um lead e seu negócio oferecer algo em troca, como um e-Book grátis, whitepapers, dicas valiosas acerca daquele assunto, ficará muito mais fácil qualificar sua base de usuários e convertê-los em clientes e consumidores do seu produto ou serviço.

Alguns elementos em seu website, como calls-to-action e landing pages, também podem ser usados para atrair esses visitantes e ajudar você a obter informações importantes da sua audiência.

Seguindo em frente. Agora que você atraiu os visitantes certos e converteu os leads, é hora de transformar esses leads em clientes. Na fase de Fechamento, ferramentas, como e-mail e CRM, podem ser usadas para ajudar a vender aos leads certos, na hora certa.

Inbound Marketing signi ca fornecer conteúdo diferenciado a seus usuários, sejam eles visitantes, leads ou clientes existentes.

Só porque alguém já é cliente, não significa que você pode esquecer-se deles! As empresas de inbound continuam a encantar e envolver sua base de clientes, transformando-os em promotores ou evangelistas dos seus produtos e serviços.

Toda a metodologia retorna ao começo, quando os promotores conversam com suas redes de contatos e divulgam sua experiência com estes nas redes sociais. seus produtos e serviços. O que você não vê escrito na metodologia é “Análise”.

Por quê? Porque a análise é parte de tudo que você faz com sua estratégia de inbound. Tudo que você faz, qualquer peça de conteúdo criada, qualquer campanha lançada, ou qualquer ação de marketing executada, deve ser analisada.

Para ser um profissional de inbound marketing de verdade (e realmente bem-sucedido), você precisa saber o que está funcionando e como implantar novas soluções e melhorar seus esforços da maneira mais ciente possível. Novamente, a única maneira de fazer isso é dispondo de um tempo para analisar seu trabalho.

E se você você não tem esse tempo para analisar seu trabalho, pode ficar tranquilo, entre em contato comigo que eu posso te ajudar.

Compartilhar